Márcio Hilton Fragoso Borges nasceu em Belo Horizonte (MG), no dia 31 de janeiro de 1946. Seu pai, Salomão Magalhães Borges, é jornalista autodidata, e sua mãe, Maria Fragoso Borges, professora primária. Nasceu em uma família bastante musical – seu pai tocava um pouco de violão e sua mãe cantava em corais e tocava piano. Segundo filho de uma turma de 11 – muitos deles também envolvidos com a música -, considera a grande influência de sua vida seu irmão mais velho, Marilton Borges. A infância em Santa Tereza foi marcada por problemas de saúde. Nessa época, iniciou-se na literatura e começou a escrever, o que mais tarde culminaria em sua carreira de letrista. Na adolescência, mudou-se para o Edifício Levy, no Centro de Belo Horizonte, e então conheceu os vizinhos Wagner Tiso e Milton Nascimento, que se tornou seu grande amigo e parceiro musical. Márcio é autor da letra de “Clube da Esquina”, sua primeira parceria com o irmão Lô. Posteriormente, essa canção daria nome aos dois discos e ao movimento Clube da Esquina, de cujo núcleo formador Márcio é um dos pilares e principais letristas. Em 1996, escreveu o livro “Os Sonhos Não Envelhecem – Histórias do Clube da Esquina”. Atualmente reside na cidade de Belo Horizonte e dedica-se à direção do Museu Clube da Esquina, do qual é idealizador.

Depoimento

Sou pai zeloso. Se tem uma coisa que eu tenho orgulho na minha vida é de ser pai. Isso aí é uma coisa que eu exerço bem – eu acho que exerço várias coisas bem, mas o que eu exerço melhor mesmo é ser pai Leia todo o depoimento

Blog de Márcio Borges

Antigo prédio do Servas abrigará Museu do Clube da Esquina

Esse é o meu grande orgulho, ter conseguido fazer um projeto que refletisse a sociedade e, ao mesmo tempo, agradecesse a sociedade, o povo e a comunidade mineira por tudo que nos deu”, disse. Continue lendo

Galeria