Milton Nascimento nasceu no Rio de Janeiro (RJ) em 26 de outubro de 1942. Filho biológico de Maria do Carmo Nascimento, foi adotado aos primeiros meses de vida pelo casal Josino Brito de Campos – bancário, professor de matemática e técnico em eletrônica – e Lília Silva Campos – professora de música. Desde a infância, é chamado carinhosamente por familiares e amigos pelo apelido “Bituca”. Aos dois anos de idade, mudou-se com os pais adotivos para Três Pontas (MG). Aos quatro, ganhou seu primeiro instrumento musical, uma sanfoninha de 2 baixos. Aos 13 anos, começou a cantar em conjuntos de baile, acompanhado pelo amigo Wagner Tiso. Ainda na adolescência, trabalhou como disc-jóquei de rádio, em Três Pontas. Em 1963, mudou-se para Belo Horizonte, onde conheceu alguns de seus futuros parceiros de Clube, como Fernando Brant e os irmãos Márcio e Lô Borges. Em 1964, fez “Novena”, “Gira Girou” e “Crença”, as primeiras parcerias com Márcio. Dois anos depois, Elis Regina gravou sua composição “Canção do Sal”. Em 1967, seu padrinho musical, o cantor Agostinho dos Santos, inscreveu em segredo três de suas músicas no II Festival Internacional da Canção, no Rio de Janeiro. Milton é premiado como melhor intérprete e ganha o segundo lugar com “Travessia”. Nesse mesmo ano, lança seu primeiro trabalho solo. Um ano depois, Eumir Deodato o leva para apresentar-se e gravar nos EUA o LP “Courage”, que incluía “Bridges”, versão em inglês de “Travessia”. Em 1972, Milton gravou com seus amigos o álbum duplo “Clube da Esquina”, um dos discos mais seminais da MPB. Sua discografia é marcada por clássicos como “Milagre dos Peixes” (1974), “Minas” (1975), “Geraes” (1976), “Clube da Esquina 2” (1978), “Sentinela” (1980) e “Caçador de Mim” (1981), entre outros. Em 1998, seu disco “Nascimento” recebeu o Prêmio Grammy de melhor CD de World Music. Em 2003, o músico, cantor e compositor levou o Grammy Latino na categoria melhor canção brasileira em português pela música “Tristesse” (em parceria com Telo Borges).

Depoimento

Milton Nascimento por Bituca. E vice-versa Entrevista concedida a Márcio Borges publicada originalmente no livreto da Coleção Milton Nascimento – … Leia todo o depoimento

Blog de Milton Nascimento

Milton Nascimento vai ser o principal homenageado

Considerado o “Oscar” da comunidade negra no Brasil, o Prêmio Raça Negra deste ano recebeu o nome de Coração de Estudante Continue lendo

Galeria