Trem de doido

Lô Borges e Márcio Borges

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Noite azul, pedra e chão
amigos num hotel
muito além do céu
nada a temer, nada a conquistar
depois que este trem começa a andar, andar
deixando pelo chão os ratos mortos na praça
do mercado

Quero estar onde estão
os sonhos desse hotel
muito além do céu
nada a temer, nada a combinar
na hora de achar o meu lugar no trem
e não sentir pavor dos ratos soltos na praça
minha casa

Não precisa ir muito além dessa estrada
os ratos não sabem morrer na calçada
é hora de você achar o trem
e não sentir pavor dos ratos soltos na casa
sua casa

Canta: Lô Borges
Guitarra-base: Lô Borges
Guitarra-solo: Beto Guedes
Baixo: Toninho Horta
Bateria: Rubinho
Órgão: Wagner Tiso
Coro: Lô Borges, Beto Guedes e Milton Nascimento
| | |

Fale na Esquina

Fale na Esquina

Deixe uma mensagem

6 Mensagens para Trem de doido

  1. JOSE CARLOS ROSSI disse:

    essa é a melhor de todas. a guitarra do beto é algo fascinante e a bateria então!

  2. Deise disse:

    Quem som é esse meu Deus? Estou aqui me deliciando com esta galera maravilhosa. Que presentão!!! Isso é tudo de bom. Só felicidade…

  3. josé marques disse:

    E eu que fui ferroviário , voando nos trens por SÃO PAULO e MINAS GERAES , sinto ,e o que sinto ? sinto o desespero da demora de uma viagem para os braços de meu amor ,que fica entre minha paixão doida e minha paz da certeza , de que este amor é meu ,e, não é ; pois amor é pensamento.

  4. paulo victor disse:

    eu gostaria de saber qual a hist´ria desta música…ela surgiu como???É coisa de doido mesmo!!!! Sonzaço!!!

  5. Lucas Freire disse:

    O baixo dessa musica é espetacular. A guitarra solo de "O trem azul" é espetacular. Ambos são tocados pelo Toninho Horta. Chego a conclusão que ele é espetacular!